Carmen Jaspersen/EFE
Carmen Jaspersen/EFE

Diego quer se despedir do Werder com título em Berlim

Time enfrenta o Bayer Leverkusen pela final da Copa da Alemanha; 'Este é o jogo mais importante da minha vida'

AE-AP, Agencia Estado

28 de maio de 2009 | 09h38

Já anunciado como reforço da Juventus, o meia Diego se despede neste sábado do Werder Bremen, na final da Copa da Alemanha, contra o Bayer Leverkusen, e espera encerrar com um título sua passagem de três anos pelo clube.

"Este é o jogo mais importante de toda a minha vida, e estou feliz por ter a oportunidade de retribuir à torcida todo o carinho que recebi em Bremen", afirmou o brasileiro, de 24 anos, sobre sua expectativa para o jogo marcada para o Estádio Olímpico, em Berlim. "Estou muito motivado e pretendo dar tudo", completou, prometendo não tirar o pé em divididas.

Suspenso, Diego ficou de fora da derrota para o Shakhtar Donetsk, na final da Copa da Uefa, e espera ter a chance de ir embora com seu primeiro título. "Foram três ótimos anos, os melhores da minha vida, e será muito difícil de ir embora. Não importa o que acontecer, o time e a cidade estarão sempre em meu coração", jurou.

Revelado pelo Santos, Diego foi campeão brasileiro em 2002 e negociado com o Porto em 2004, mas não conseguiu se firmar no clube português, embora tenha sido campeão mundial interclubes no ano de sua chegada. Em 2006, transferiu-se para o Werder Bremen por 6 milhões de euros - menos de um quarto do valor que a Juventus pagou por ele agora, 24,5 milhões de euros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.