Diego Souza é suspenso, mas pena vale só no Paulistão

O meia Diego Souza, do Palmeiras, conseguiu se livrar de uma punição que o deixaria fora da Copa Libertadores e do Campeonato Brasileiro. A pena de oito jogos, aplicada na noite desta segunda-feira pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) de São Paulo, será cumprida apenas no Paulistão do ano que vem.

JULIANO COSTA, Agencia Estado

18 de maio de 2009 | 21h04

Diego Souza foi julgado nesta segunda, durante mais de duas horas, pela expulsão no segundo jogo das semifinais do Paulistão, no dia 18 de abril, contra o Santos, no Palestra Itália. Na ocasião, o árbitro Sálvio Spínola mostrou o cartão vermelho ao jogador palmeirense por uma suposta cabeçada no zagueiro santista Domingos, mas a agressão não ocorreu, como ficou evidente nas imagens de tevê.

O problema foi que, na sequência, Diego Souza voltou ao campo e deu uma rasteira em Domingos. Por isso, o meia palmeirense foi citado em dois artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), o 253 (agressão física, cuja pena prevê de 120 a 540 dias de suspensão) e o 255 (ato de hostilidade, cujo gancho é de um a três jogos).

Domingos também foi julgado nesta segunda-feira pela confusão no clássico do dia 18 de abril e foi punido com dois jogos de suspensão - a serem cumpridos igualmente no Paulistão do ano que vem.

A grande vitória da defesa palmeirense foi na desqualificação do artigo 253 - agressão. O advogado Luiz Roberto Martins Castro conseguiu emplacar o caso de Diego Souza no artigo 258 - atitude contrária à disciplina. Segundo o presidente da mesa julgadora, a pena por dias seria muito pesada para o caso. Daí a opção pela desqualificação do artigo 253 e a inclusão no artigo 258, cuja pena varia de um a dez jogos.

Diego Souza comemorou discretamente o resultado do julgamento. "Infelizmente não fui absolvido da maneira como queria, mas essa punição ao menos me deixa participar da Libertadores e do Brasileiro", comentou o jogador. "Agora quero me juntar ao grupo e pensar nas partidas importantes que temos pela frente."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasDiego Souzasuspensão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.