Diego Souza quer encerrar jejum de gols no Vasco

O meia Diego Souza estreou no Vasco marcando um gol no clássico contra o Botafogo, na Taça Rio. Mas parou por aí. O jejum já o incomoda e ele espera reencontrar o caminho do gol no jogo decisivo de sábado, contra o Olaria, no Engenhão, pela semifinal da Taça Rio.

AE, Agência Estado

21 de abril de 2011 | 19h27

"O gol passa pela minha cabeça o tempo todo e eu realmente me cobro muito. Fico chateado demais quando não sai. Posso ter uma ou várias oportunidades durante o jogo e quero fazer todas que apareçam. Mas o gol vai sair no momento certo", declarou, com a confiança de sempre.

O técnico Ricardo Gomes exige respeito ao Olaria e lembra que "zebras" são comuns no futebol. O Boavista, por exemplo, eliminou o Fluminense na semifinal da Taça Guanabara, o primeiro turno do Estadual do Rio.

Se passar pelo Olaria, o Vasco decidirá a Taça Rio contra o vencedor do Fla-Flu de domingo. O título já está na cabeça de Ramón: "Nós mesmos conversamos entre nós que está na hora de o Vasco ganhar um título. Com esse grupo forte temos muitas condições de conquistar essas competições", disse o lateral, em referência também à Copa do Brasil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.