Diego Tardelli cobra vitória para Atlético mirar Libertadores

Equipe, que empatou com a Chapecoense no meio da semana, vai encarar o Palmeiras no Estádio Independência neste domingo

Estadão Conteúdo

08 de agosto de 2014 | 15h33

O empate com a Chapecoense, por 1 a 1, na última quarta-feira, impediu o Atlético Mineiro de subir para a quinta colocação no Campeonato Brasileiro, mas não desmotivou o atacante Diego Tardelli. Destaque do time, ele avaliou que uma vitória sobre o Palmeiras, domingo, no Independência, pela 13ª rodada, coloca a equipe de vez na luta por uma vaga na próxima Copa Libertadores.

O Atlético-MG está em nono lugar no Brasileirão, com 19 pontos, a cinco do G4. "Uma vitória também nos deixa lá em cima porque o campeonato está muito embolado, do décimo até o quinto. É importante a gente voltar a jogar bem, voltar a vencer e chamar a torcida para estar com a gente", disse, que também aposta na força como mandante para superar o Palmeiras.

"Vamos procurar fazer um bom trabalho. O Palmeiras é grande, é sempre difícil jogar contra eles, tanto em casa quanto lá em São Paulo, mas a gente volta a jogar em casa e conta com a nossa torcida novamente para nos empurrar", completou.

Assim como aconteceu na semana passada, quando o Atlético-MG recebeu o Atlético Paranaense, a equipe não vai concentrar antes do confronto com o Palmeiras. Tardelli garantiu que a situação não interferirá no desempenho dos jogadores em campo.

"Concentrado ou não concentrado, a gente vai jogar do mesmo jeito, da mesma forma. É uma coisa nova, mas todo mundo é responsável aqui, então, concentrando ou não concentrando, a gente tem que fazer nosso papel", destacou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.