Diego Tardelli reaparece e é multado

Com duas semanas de atraso, Diego Tardelli reapareceu no São Paulo. O atacante de 18 anos deveria ter treinado com os juniores desde o dia 22 de dezembro de 2004 para a disputa da Copa São Paulo. Alegando não ter sido avisado, o jogador ficou disputando amistosos no Paraná e em Santa Catarina. Mas, a desculpa não colou e ele será multado em 40% dos seus salários. Pelo menos, não reclamou."Ninguém me avisou, mas eu aceito a postura da diretoria do São Paulo. Se os dirigentes acreditam que mereça ser multado, tudo bem. Vou acatar. O que não quero é ficar marcado como problemático como está saindo nos jornais", avisou Diego Tardelli.Ele seguiu direto para Suzano e já acompanhou a estréia time na Copa São Paulo, na tarde deste domingo, contra o Criciúma. ?A partir de amanhã já começo a treinar com os juniores. É um prazer para mim voltar às minhas origens", disse, irônico. Em 2003, Diego Tardelli disputou o torneio com o apelido de Dinei.A diretoria do São Paulo decidiu que irá apenas multá-lo e, depois da Copa São Paulo, ele atuará entre os profissionais.Palavra do chefe - Enquanto isso, o presidente Marcelo Portugal Gouvêa, de férias nos Estados Unidos, deu entrevista ao programa que o clube banca na rádio Trianon. Alegando que ?bateria de celular desgasta mais rapidamente nos EUA?, ele não falou sobre os vários problemas que rondam o São Paulo: o patrocínio das camisas, a vitória do Atlético Mineiro na Justiça travando a negociação de Cicinho e o presidente do Goiás, Raimundo Queiroz, prometendo não liberar Danilo para atuar no Morumbi.Deu tempo para falar de Ricardinho e sobre a sua candidatura à reeleição. "Não é verdade que ele está acertando a sua liberação do clube. O Ricardinho irá disputar a Libertadores pelo São Paulo", garantiu Marcelo Portugal Govêa.O futuro de Danilo será definido nesta segunda-feira. Há confusão no próprio Goiás. Enquanto o presidente garante que ele se reapresentará com os atletas do time, em Goiânia, no site oficial do clube há a notícia que o meia já pertence ao São Paulo.

Agencia Estado,

04 de janeiro de 2004 | 15h45

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.