Dill marca dois em jogo-treino

O atacante Dill, contratado em 2001 pelo São Paulo, enfim desencantou. Hoje ele participou da segunda parte do jogo-treino com o Juventus, vencido pelo Tricolor por 4 a 1, foi bem e marcou dois gols, o que ainda não foi capaz de fazer em partidas oficiais. Dill ainda não havia feito nem sequer um gol pelo São Paulo e, apesar do bom desempenho, não deve começar o Torneio Rio-São Paulo como titular. A dupla de ataque que iniciou o jogo foi formada por Reinaldo e Sandro Hiroshi. O ex-flamenguista deixou sua marca e Hiroshi teve atuação regular.Hoje França assinou contrato com seu novo clube, o Bayer Leverkusen, da Alemanha. Ele está na Europa acompanhado por Paulo Amaral, presidente do São Paulo, e Wagner Ribeiro, seu procurador. Amanhã os dirigentes definirão se ele já se integra ao elenco do Bayer ou se vai para a Alemanha apenas em julho. Amaral passará na França para tentar trazer de volta Luís Fabiano, que está no Rennes. Ele também está atrás de Washington, da Ponte Preta, e já fez até proposta pelo jogador. Segundo informação do jornal londrino The Sun, o atleta da equipe campineira interessa também ao Tottenham Hotspurs, da Inglaterra.O zagueiro Nem ameaça entrar na Justiça para se desvincular do São Paulo. Ele está voltando para o Atlético-PR e não quer ter ligação com clube do Morumbi. Seu contrato com o Tricolor acabou no fim do ano passado.

Agencia Estado,

16 de janeiro de 2002 | 20h23

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.