Dill virá de graça para o São Paulo

O São Paulo acertou nesta quarta-feira, a contratação do atacante Dill, hoje no Servette, da Suíça. Uma reunião realizada antes da partida de hoje contra o Talleres, pela Copa Mercosul, entre o presidente Paulo Amaral, o diretor de Futebol José Dias e representantes do Canal Plus - emissora de TV a cabo francesa proprietária do passe do jogador - consolidou o acordo. Falta apenas a assinatura do jogador, que nesta quinta vai defender o Servette na partida contra o Slavia Praga pela Copa da Uefa. Na segunda-feira, Dill deve chegar ao Brasil. O jogador vai receber US$ 25 mil mensais. O contrato terá duração de três ou quatro anos. Apesar de José Dias ter afirmado que o São Paulo irá pagar parceladamente pelo atestado contratual de Dill, a Agência Estado apurou que isso não é verdade. Dill não terá custo nenhum ao clube paulista. "Confiamos no São Paulo, um clube de estrutura. Ele não custará nada. Nos próximos dias, vamos estabelecer as medidas de uma parceria que devemos assinar com o clube", afirmou Eric Lovey, representante do Canal Plus no Brasil. De início, a emissora poderá explorar as categorias de base do São Paulo, recrutando jogadores que sejam de seu interesse. Em uma fase posterior, esta situação poderá ser aplicada também à categoria profissional.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.