Ed Ferreira/AE
Ed Ferreira/AE

Dilma garante nove estádios da Copa até dezembro de 2012

As arenas para o Mundial de 2014 com os cronogramas mais atrasados são as de São Paulo e Natal

Hugo Bachega, Reuters

30 de agosto de 2011 | 10h49

BRASÍLIA - A presidente Dilma Rousseff disse nesta terça-feira que nove dos 12 estádios que receberão jogos da Copa do Mundo de 2014 estarão prontos já em dezembro do ano que vem. "Das 12 arenas que receberão as partidas, dez estão em obras, sendo que a conclusão de nove delas está prevista para dezembro de 2012, bem antes do início da Copa", ressaltou Dilma em sua coluna semanal em jornais Conversa com a Presidenta.

Os dois estádios que estão com os cronogramas atrasados são as de São Paulo e Natal, que deverão ficar prontos meses somente antes do Mundial, em junho de 2014. São Paulo ainda vive a expectativa de ter sua sede anunciada em outubro pela Fifa como palco da abertura, onde a seleção brasileira fará a primeira partida da competição.

As duas cidades, São Paulo e Natal, já foram descartadas da Copa das Confederações, evento teste do Mundial que será realizado em junho de 2013. Segundo a Fifa, os estádios da Copa podem ser entregues até fevereiro de 2014.

No caso da arena do Corinthians, que está sendo construída na zona leste da capital paulista, erm Itaquera, as obras só começaram no fim de maio e têm previsão de duração de 30 a 33 meses. No estádio de Natal, os trabalhos continuam na estaca zero - sequer começaram.

"Os obstáculos à construção do Itaquerão, em São Paulo, já foram superados e também estão sendo criadas as condições para o início das obras na Arena das Dunas, em Natal", disse Dilma.

AEROPORTOS

A presidente também comentou sobre as obras para expansão dos terminais aéreos, uma das preocupações da Fifa para a realização da Copa do Mundo. Segundo Dilma, "em seis aeroportos das cidades-sedes, as obras já começaram e, em cinco outros, a licitação já está em andamento". Até dezembro, o governo pretende licitar à iniciativa privada os terminais de Brasília, Guarulhos (São Paulo) e Viracopos (Campinas).

Semana passada houve a concessão do primeiro aeroporto à iniciativa privada no país, o terminal de São Gonçalo do Amarante (RN), que não tem garantias de ser finalizado a tempo do Mundial.

Dilma afirmou também que as obras de modernização nos portos serão iniciadas ainda neste ano e deverão estar concluídas até 2013.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.