Dínamo faz intercâmbio com o Corinthians

2005 será o ano da cooperação entre o Dínamo de Tbilisi e o Corinthians. É isso pelo menos o que pretende o diretor-executivo do clube da ex-república soviética da Geórgia, David Petriashvili. Em entrevista para a Agência Estado, o cartola do Dínamo afirmou que existe um memorando de entendimento assinado entre os dois clubes desde outubro do ano passado. ?Agora queremos, neste ano, transformar essa cooperação em ações concretas?, disse Petriashvili. O diretor, porém, optou por não comentar se o presidente do Dínamo, Badri Patarkatsishvili, teria investido na MSI, empresa que hoje apoia financeiramente o time do Parque São Jorge. No ano passado, Patarkatsishvili foi citado como um dos empresários que a MSI contaria para bancar os investimentos no Corinthians. A revelação sobre a ligação da Geórgia com o time paulista foi feita pelo russo Boris Berezovsky, que também foi sondado pelo diretor da MSI, o iraniano Kia Joorabchian, para investir no Corinthians. Em Tbilisi, o diretor do Dínamo admitiu que conhece Kia e que já esteve com o iraniano. ?O que posso dizer é que nossa cooperação com o Corinthians vai sair do papel e começar a se tornar uma realidade. Estamos prevendo o intercâmbio de membros de nosso corpo técnico, de experiências e até de jogadores?, afirmou Petriashvili, que ocupa o posto de número 2 do clube desde 2003 e que já foi jogador do próprio Dínamo e também ocupa a posição de delegado da Uefa (União Européia de Futebol). O Dínamo conta em seu elenco com o meio campo Cesar Romero, que atuou pelo Paraná Clube entre 1995 e 2001. O clube da Geórgia ainda pretende realizar jogos amistosos com o clube paulista em algum momento em 2005. O clube é o atual líder do campeonato do país. Criado em 1925, o Dínamo teve importante sucesso na liga disputada entre os clubes da ex-União Soviética. Desde a independência da Georgia do controle de Moscou, o clube ganhou 11 dos 14 campeonatos disputados. Na Europa, porém, o time nunca chegou a ter resultados expressivos.

Agencia Estado,

11 de fevereiro de 2005 | 17h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.