Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Franklin Jacome
Franklin Jacome

Diniz e Hernanes acreditam na classificação do São Paulo: 'No futebol tudo é possível'

Técnico e jogador adotam discursos semelhantes após a derrota para a LDU

Guilherme Amaro, O Estado de S.Paulo

23 de setembro de 2020 | 00h48

O São Paulo ficou em situação bastante complicada na Copa Libertadores da América e não depende mais apenas de si para avançar às oitavas de final, mas o técnico Fernando Diniz e o meia Hernanes acreditam na classificação. Após a derrota por 4 a 2 para a LDU, em Quito, eles adotaram discursos semelhantes e não jogaram a toalha.

"Fica bem complicada (a situação). Matematicamente ainda é possível, não vamos desistir. Mais um jogo difícil e importante contra o River, vamos dar o máximo para tentar uma vitória na Argentina. Sabemos que é difícil, mas ainda não acabou. Vamos continuar acreditando, no futebol tudo é possível. Vamos dar o nosso máximo e depois ver o que acontece. Não vamos desistir", afirmou Hernanes.

Logo na sequência, foi a vez de Fernando Diniz conceder entrevista coletiva e falar sobre possibilidade de classificação do São Paulo no Grupo D da Libertadores. "É uma situação difícil, mas temos chances e temos que lutar até o fim. É seguir trabalhando e fazer o melhor para ajudar o São Paulo", disse o treinador.

Fernando Diniz também foi questionado sobre a chance de ser demitido caso o São Paulo seja eliminado da Libertadores. "Essa pergunta eu já respondi muitas vezes. No São Paulo, não tem que ter medo de ser demitido, pelo contrário, é tentar melhorar o time e lutar até o fim, acreditar nas possibilidades que ainda temos", reforçou.

O Grupo D tem a LDU na liderança, com nove pontos, o River Plate em segundo, com sete, o São Paulo em terceiro, com quatro, e o lanterna Binacional, com três. O São Paulo terá pela frente o River Plate, na Argentina, e o Binacional, no Morumbi. Se perder para o River no dia 30 de setembro, o São Paulo estará eliminado. Um empate deixaria o time dependendo de um "milagre", envolvendo resultados e saldo de gols.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.