Rubens Chiri/São Paulo
Rubens Chiri/São Paulo

Diniz faz mistério no São Paulo e Pato pode dar lugar a Raniel

Tricolor visita a Chapecoense neste sábado, às 21h, pela 30ª rodada do Brasileirão

Redação, O Estado de S.Paulo

01 de novembro de 2019 | 15h16

O São Paulo fechou nesta sexta-feira a preparação para enfrentar a Chapecoense, sábado, às 21h, na Arena Condá, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico Fernando Diniz não deu pistas sobre a escalação. A principal dúvida está no comando do ataque.

Em baixa, Alexandre Pato pode dar lugar a Raniel na equipe titular. No meio-campo, Liziero não foi relacionado por desgaste muscular e continua fora - ele desfalcou o time na derrota por 3 a 0 para o Palmeiras na última quarta-feira. O setor, no entanto, não está definido.

A tendência é que Daniel Alves continue na lateral direita. Mas existe a possibilidade de Juanfran entrar na posição e Daniel ir para o meio-campo. Com isso, Igor Gomes deixaria a equipe.

O treino tático foi fechado para os jornalistas. Segundo o site oficial do clube,  Fernando Diniz comandou uma atividade no gramado de finalização e posicionamento. Sem a bola, Diniz orientava os jogadores na marcação e compactação da equipe. Com a bola, os atletas trabalharam posse de bola, movimentação e conclusão.

Mesmo depois de perder para o Palmeiras, o São Paulo manteve a quarta colocação no torneio nacional, com 49 pontos, com a marca de melhor defesa. O adversário está em penúltimo lugar, mas vem de vitória fora de casa contra o Atlético Mineiro por 2 a 0. A equipe catarinense não vencia havia 13 jogos na competição.

A tendência é que o São Paulo entre em campo com: Tiago Volpi; Daniel Alves, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê e Igor Gomes; Antony, Vitor Bueno e Pato (Raniel).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.