Diogo e Lauro festejam após serem heróis de vitória lusa

Dono da noite do último domingo no Canindé, o atacante Diogo era só sorrisos após marcar os dois gols da Portuguesa que deram a vitória sobre o São Paulo, derrotado por 2 a 1, pela 13.ª rodada Campeonato Brasileiro. Ele foi ovacionado pela torcida e comemorou muito o triunfo, que dá um pouco de oxigênio na luta contra o rebaixamento - a equipe pulou para a 17.ª posição, com 12 pontos em 13 jogos.

AE, Agência Estado

12 de agosto de 2013 | 08h05

Para ele, mais importante do que marcar os gols foi ver o time sair vencedor da partida, especialmente depois de passar por apuros no segundo tempo e ser dominado pelo São Paulo. "Fico feliz pelos gols, mas mais ainda pela vitória que conseguimos. Foi um bom resultado para quem quer sair dessa situação e atingir algo melhor na tabela. Todos lutaram e se empenharam muito nos 90 minutos. A sorte voltou, vamos esquecer esse negócio de azar. Espero que a gente continue vencendo agora".

Outro herói da partida deste domingo foi o goleiro Lauro, que defendeu a cobrança de pênalti de Rogério Ceni e impediu a virada ainda no começo do segundo tempo. É o segundo jogo seguido em que ele ganha os holofotes. Na semana passada ele marcou de cabeça o gol que garantiu o empate contra o Flamengo no final da partida no Mané Garrincha. Ao comentar qual lance preferiu, ele admite que impedir o gol de Ceni teve um sabor mais especial.

"Sem dúvida prefiro a defesa, porque faz parte do meu trabalho, embora fazer um gol seja especial. Já tinha defendido um pênalti dele em 2005, a cobrança foi no mesmo canto, semelhante", lembrou o goleiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.