Divulgação
Divulgação

Diretor do Bayern e ex-seleção alemã, Matthias Sammer sofre AVC

O clube emitiu comunicado informando estado de saúde

Estadão Conteúdo

24 de abril de 2016 | 17h01

O diretor esportivo do Bayern de Munique, Matthias Sammer, de 48 anos, sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) e por isso não esteve presente nos locais das duas últimas partidas da equipe na temporada. O clube emitiu um comunicado neste domingo explicando o problema de saúde.

De acordo com informações do médico Roland Schmidt, o dirigente "vai se curar completamente do AVC e o mesmo não terá consequências". O dirigente ficou ausente da vitória sobre o Hertha Berlin no sábado e também no duelo de terça-feira, no triunfo sobre o Werder Bremen pela Copa da Alemanha.

Sammer informou que está se sentindo bem. "Não estou com nenhuma limitação e os médicos me garantiram que estarei completamente curado e recuperado", comentou. "No entanto, vou me dar o tempo necessário para me recuperar. Depois disso, estarei novamente disponível para a equipe com toda a minha energia."

O presidente do clube, Karl-Heinz Rummenigge, desejou melhoras ao dirigente. "O principal agora é ele se recuperar completamente", disse. "Matthias sabe que nós lhe daremos todo o tempo necessário para que se recupere antes de reassumir as funções no Bayern com toda sua força", finalizou.

Além de dirigente, Sammer fez história no futebol alemão como jogador. Atuou como zagueiro da Alemanha Oriental na década de 1980 e depois também participou da seleção após a unificação do País, em 1990, defendendo a equipe nacional até 1997. Chegou a ser comparado a Franz Beckenbauer e viveu o auge da carreira com a conquista da Eurocopa em 1996. Na época, recebeu a Bola de Ouro da revista France Football. Pendurou as chuteiras em 2000 devido a uma série de lesões e se tornou treinador. Comandou o Borussia Dortmund, o Stuttgart e está no cargo de diretor esportivo do Bayern desde 2012.

Tudo o que sabemos sobre:
Matthias SammerBayern de Munique

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.