Diretores do Palmeiras já defendem Obina de críticas

Antes mesmo de chegar ao Palmeiras, Obina já causa desconfiança dos torcedores. Em fóruns na internet e nas ruas, são muitas as críticas ao atacante de 26 anos, que foi emprestado pelo Flamengo. Por isso mesmo, os dirigentes palmeirenses saíram em defesa do jogador, valorizando a surpreendente contratação fechada na noite de segunda-feira.

JULIANO COSTA, Agencia Estado

26 de maio de 2009 | 12h40

"O que está ocorrendo com o Obina é o que já se passou com muitos outros jogadores no Brasil: depois de vários jogos sem marcar, vêm as críticas, ele perde a confiança, sai e acaba tendo sucesso em outro clube. Espero que seja assim no Palmeiras", diz o vice-presidente Gilberto Cipullo. "Entendo que haja uma desconfiança, mas espero que a torcida o receba bem."

Em má fase no Flamengo, onde ainda não marcou gols nesta temporada, Obina foi emprestado de graça ao Palmeiras, com contrato até o final do ano. Ele chega ao novo clube já na tarde desta terça-feira, quando será apresentado oficialmente. E também está inscrito na Libertadores, podendo até estrear no jogo de quinta, contra o Nacional, no Palestra Itália.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasObina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.