Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Diretoria do São Paulo já planeja 2005

Além de Luizão, o São Paulo tenta contratar mais um atacante e um meia para o início de 2005. Marco Antonio, meia que está emprestado ao Náutico, também voltará ao time. Outros jogadores, de menos nome poderão vir para compor o elenco, que sofrerá pelo menos os desfalques dos volantes Ramalho e José Ramalho, que não agradaram.Rondón, o atacante que veio da Venezuela, também pode sair. Basta entender a declaração do presidente Marcelo Portugal Gouvêa. ?Atualmente, só temos dois atacantes; o Grafite e o Diego Tardelli.?Mesmo Tardelli pode sair. Emprestá-lo a algum time pode ser a melhor opção para que seu futebol deixe de ser promessa.O zagueiro Júlio Santos, que está emprestado ao Paysandu, não voltará, mesmo com os dois gols que marcou contra o Goiás no sábado.A idéia é emprestá-lo mais uma vez e depois vendê-lo.O goleiro Márcio, que está no Grêmio, também não deve ficar. Para ficar no clube, pediria salário em torno de R$ 25 mil ? praticamente o que ganha Roger e muito mais do que ganha Matheus, o outro goleiro.Júnior e César Sampaio, dois jogadores repatriados no meio do ano, continuarão. O contrato de Sampaio vence no final do ano e ele fará uma avaliação pessoal de sua carreira. Não sabe se continuará jogando ou se parará. Espaço no grupo de Leão ele tem, mesmo com a ascensão de Alê e Renan. Júnior, que não tem jogado bem, pede um tempo de adaptação. ?Na Europa, eu fazia 40 jogos por ano. Aqui, fiz nove em um mês. É diferente, estou me readaptando e vou jogar muito mais. O Fábio Santos entrou em meu lugar e jogou muito bem. É um garoto de muito futuro e nós dois podemos ajudar o time nessa fase final do Brasileiro. Para mim, não tem problema algum ser substituído.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.