Fábio Motta/Estadão
Fábio Motta/Estadão

Diretoria segura Osorio mesmo se São Paulo cair na Copa do Brasil

Garantia é dada por Ataíde Gil Guerreiro, vice-presidente de futebol

GONÇALO JÚNIOR, O Estado de S. Paulo

25 de agosto de 2015 | 11h41

A diretoria do São Paulo pretende manter Juan Carlos Osorio no cargo de treinador independentemente do resultado desta quarta-feira, diante do Ceará, pela Copa do Brasil. A garantia foi dada pelo vice-presidente de futebol, Ataíde Gil Guerreiro, na manhã desta terça-feira, em entrevista coletiva no CT da Barra Funda.

"Osorio fica no São Paulo. Ele vai continuar independentemente do resultado no Ceará. Esperamos uma vitória, mas, se uma desgraça acontecer, considero um desastre sair da Copa do Brasil, ele vai continuar como treinador. Ele continua, independentemente do jogo contra a Ponte Preta (sábado, pelo Campeonato Brasileiro)", afirmou o vice-presidente.

Com o revés para os cearenses na última semana por 2 a 1, o São Paulo tem que vencer por dois gols de diferença para garantir a vaga para as quartas de final. Em caso de vitória do São Paulo por 2 a 1, a decisão será nos pênaltis.

O diretor tentou acalmar o ambiente no São Paulo depois das três derrotas consecutivas, mas também depois da sondagem feita pela Federação Mexicana para contratar Osorio. Insatisfeito com o desmanche do elenco, Osorio cogitou sair após a derrota para o Flamengo. Desde que o colombiano assumiu, saíram oito jogadores, entre eles quatro titulares (Souza, Denilson, Dória e Rafael Toloi). "Ele prometeu que, se chegar uma proposta, ele vai recusá-la e continuar no São Paulo", disse Ataíde.

De acordo com o diretor, os principais argumentos para que Osorio decidisse ficar foram a promessa de um elenco forte no ano que vem e a recomposição imediata do elenco com novas peças de reposição.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.