Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Vetado, Guerrero desfalca Corinthians contra o Palmeiras

Atacante peruano já negocia sua transferência para o Flamengo

VÍTOR MARQUES, O Estado de S. Paulo

27 de maio de 2015 | 11h13

Paolo Guerrero não enfrentará o Palmeiras neste domingo, no Itaquerão, pelo Campeonato Brasileiro. A decisão foi tomada na manhã desta quarta-feira numa reunião entre diretoria e comissão técnica do Corinthians. O motivo: o atacante já negocia sua transferência para o Flamengo. O clube deve se pronunciar em instantes.

O contrato de Guerrero com o Corinthians termina dia 15 de julho. Por razões financeiras, ele e o clube não chegaram a um acordo para renová-lo. O peruano pediu R$ 18 milhões para assinar um novo contrato e o valor foi rechaçado pela diretoria.

Domingo, após o jogo contra o Fluminense, Guerrero foi xingado e hostilizado por parte da torcida. O peruano foi chamado de mercenário. Um possível clima pesado, domingo, em Itaquera, motivou a diretoria a vetar o atacante.

O jogo que Guerrero fez contra o Fluminense pode ter sido o último dele com a camisa do Corinthians. Como ele está fora do clássico, o peruano já poderá se apresentar à seleção peruana para a disputa da Copa América.

Já Emerson Sheik não vinha mais sendo escalado como titular pelo técnico Tite. O contrato do atacante termina dia 31 de julho e ele já foi avisado pela diretoria que o vínculo não seria renovado. Sua presença diante do Palmeiras ainda é incerta, até porque participou do treino desta manhã no CT.

Com a possibilidade de não ter os dois jogadores, Tite pode escalar Romero e Mendoza no ataque. Outra solução seria recorrer a Vagner Love, apressando o projeto de recuperação física do jogador. Luciano está machucado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.