Divulgação/Photocamera
Divulgação/Photocamera

Dirigente do Fluminense rejeita 'clima de já ganhou'

Vice-presidente de futebol Alcides Antunes pede calma à torcida para o jogo contra o Guarani no Engenhão

AE, Agência Estado

03 de dezembro de 2010 | 19h17

O vice-presidente de futebol Alcides Antunes veio a público nesta sexta-feira acalmar a torcida do Fluminense e negar o clima de "já ganhou" no clube, às vésperas da rodada final do Brasileirão. O dirigente afirmou que os jogadores estão 100% focados na partida contra o Guarani, domingo, no Engenhão, e negou boatos de que o Fluminense já estaria preparando a festa do título.

Veja também:

linkMuricy espera jogo complicado

"O Fluminense não tem festa nenhuma pronta, isso pode ter sido um boato, ninguém do clube programou nada. Teremos um jogo muito difícil, umas das partidas mais complicadas do campeonato. Desde 1984 a torcida do Flu não comemora o título brasileiro e queremos muito dar para todos vocês essa conquista. Aqui dentro não tem ''oba-oba'' nenhum", garantiu Antunes.

"Temos a semana inteira que vem pela frente para comemorar se ganharmos o título. Os artistas do show são os jogadores do Fluminense e Guarani. Ainda não temos motivo nenhum para comemorar nada", completou o dirigente.

Na quinta-feira, surgiram notícias de que o clube já estaria organizando a sala de troféus para receber a taça do Brasileirão 2010. No domingo, alguns jogadores entrarão em campo com uma chuteira especial, nas cores do clube e com a inscrição "Paz RJ". Para ficar com o título, o Fluminense precisa vencer o Guarani, independente de outros resultados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.