Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter

Dirigente dos Emirados Árabes enfrentará Salman em eleição no futebol da Ásia

Mohamed Khalfan Al Romaithi, membro do Comitê executivo da Confederação Asiática de Futebol, aparece como candidato

Estadão Conteúdo

06 Dezembro 2018 | 18h42

O xeque bareinita Salman terá um adversário na eleição em que buscará um novo mandato à frente da presidência da Confederação Asiática de Futebol (AFC, na sigla em inglês), marcada para o próximo ano. Nesta quinta-feira, a Federação de Futebol dos Emirados Árabes Unidos anunciou a candidatura de Mohamed Khalfan Al Romaithi ao comando da entidade continental.

A expectativa era para que o candidato de oposição ao xeque Salman viesse da Arábia Saudita. Mas foi mesmo Mohamed Khalfan Al Romaithi que se apresentou no último dia para inscrição de candidaturas visando a eleição agendada para 6 de abril.

Al Romaithi é membro da diretoria do Conselho de Esportes de Abu Dabi e também do Comitê Executivo da AFC, presidida pelo xeque Salman desde 2013.

Porém, nenhum candidato foi anunciado pela Federação de Futebol da Arábia Saudita, que anteriormente parecia ter como alvo a presidência da AFC, que também assegura uma das vice-presidências da Fifa, de acordo com o seu estatuto. Em setembro, inclusive, o presidente da entidade da Arábia Saudita, Adel Ezzat, renunciou ao seu cargo para preparar sua candidatura à AFC. Mas optou por não entrar na disputa, que envolverá dirigentes do Bahrein e dos Emirados Árabes Unidos.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.