Dirigente quer que Ferguson comande britânicos em 2012

Técnico do Manchester United é respeitado pela comunidade esportiva da Inglaterra

EFE

14 de maio de 2008 | 13h08

Sebastian Coe, presidente do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Londres (Locog, em inglês) afirmou nesta quarta que deseja ver o técnico escocês Alex Ferguson, do Manchester United, comandando uma possível equipe britânica de futebol nos Jogos Olímpicos de Londres em 2012."Ficaria encantado se Alex treinasse a equipe. Sinceramente, não vejo mais ninguém que mereça tanto estar à frente de jogadores jovens no final de uma carreira formidável", disse. Em declarações ao canal "Sky Sports", Coe confirmou que manteve "conversas informais" com Ferguson, mas não falou sobre as intenções do treinador. "Falei com Alex. Somos bons amigos", afirmou.A idéia de uma equipe britânica de futebol é bastante polêmica no Reino Unido. As federações de futebol da Escócia e do País de Gales são contra o projeto e afirmaram que proibiriam seus jogadores de fazer parte da seleção.Diante da polêmica, Coe insistiu que as portas se manteriam "abertas" para as duas entidades. "Obviamente, quero os melhores jogadores, não importa se são de Irlanda do Norte, Irlanda, País de Gales, Escócia e Inglaterra. Mas também reconheço que se trata de um assunto que deve ser tratado individualmente com cada federação e as portas estão abertas", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.