Dirigente quer 'um campeão por ano' na Argentina

O presidente da Associação de Futebol da Argentina (AFA), Julio Grondona, disse nesta quinta-feira que deseja reformular o formato do futebol local, com a volta de uma temporada longa, com apenas um campeão, ao contrário do que ocorre hoje com os torneios Apertura e Clausura, que tem campeões independentes."Queremos só um campeão por ano e temos seis meses para pensar como será", afirmou o decano cartola, há três décadas no comando do futebol argentino. Hoje, a temporada começa em agosto, com o Apertura, e acaba em maio ou junho do ano seguinte, com o Clausura - somente nesse torneio há rebaixamento e definição de vagas na Libertadores e na Copa Sul-Americana,.Uma das idéias seria uma fase decisiva, como o triangular que definiu o Boca como campeão do Apertura, na última terça-feira, depois de um triangular extra com Tigre e San Lorenzo - os três terminaram a temporada regular empatados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.