Disputas continentais definem 21 das 32 seleções que jogam a Copa do Mundo

Rodada das Eliminatórias classifica mais sete países para o torneio no Brasil em 2014

Gustavo Aguiar, Especial para O Estado de S. Paulo

16 de outubro de 2013 | 07h40

SÃO PAULO - A última rodada das Eliminatórias continentais para a Copa do Mundo terminou nesta terça-feira, deixando definidas 21 das 32 seleções que disputarão no Brasil o título supremo do futebol. Mais sete países garantiram sua vinda em 2014 na oportunidade direta. As seleções que brigarão pela taça no ano que vem são: Brasil, Argentina, Colômbia, Austrália, Japão, Irã, Coreia do Sul, Bélgica, Itália, Alemanha, Holanda, Suíça, Rússia, Bósnia-Herzegovina, Inglaterra, Espanha, Estados Unidos, Costa Rica, Chile, Equador e Honduras.

 

EUROPA

As seleções da Espanha, Inglaterra, Rússia e Bósnia são as novas equipes europeias confirmadas na Copa do Mundo de 2014. Os quatro times carimbaram o passaporte para o torneio na última rodada das Eliminatórias Europeias, nesta terça-feira, 15. Assim, a Europa definiu nove das 13 vagas que pode ocupar no torneio. Bélgica, Itália, Alemanha, Holanda e Suíça confirmaram participação na rodada anterior.

 

Croácia, Grécia, Islândia, França, Portugal, Romênia, Suécia e Ucrânia ainda não têm lugar garantido na Copa. Elas são as segundas colocadas nas Eliminatórias e seguem agora para o grupo da repescagem. A participação das oito seleções no Mundial depende dos resultados de confrontos entre elas, marcados para ocorrer em novembro. O sorteio para saber quem joga com quem está marcado para a próxima quarta-feira, 21.

 

ÁFRICA

No mata-mata das Eliminatórias Africanas, Gana goleou o Egito por 6 a 1 e está perto de conquistar uma das cinco vagas do continente. A seleção vitoriosa no confronto de terça garante participação no Mundial mesmo se perder por quatro gols de diferença na partida de volta. Já para o Egito, o resultado praticamente acaba com o sonho de disputar a Copa no ano que vem.

 

Gana também participou da última Copa do Mundo. Como os outros quatro países selecionados no torneio passado ainda seguem na disputa por uma vaga com bons resultados, o Brasil pode assistir em 2014 uma repetição dos classificados em 2010.

 

Os habilitados para o Brasil em 2014 serão os vencedores da série de duas partidas. Costa do Marfim e Nigéria venceram suas partidas na primeira rodada, enquanto os camaroneses empataram. A Argélia perdeu para Burkina Fasso, mas marcou dois gols e aposta no saldo para dar o troco no adversário em novembro.

 

CONCACAF / OCEANIA

A decisão da última vaga das equipes da América do Norte, Central e Caribe foi a mais disputada. São 3,5 lugares no total, sendo que o quarto depende do resultado da repescagem intercontinental. Com Estados Unidos e Costa Rica já confirmadas, Honduras, México e Panamá dependiam dos resultados das outras partidas para a definição.

 

Quem se deu melhor foi Honduras, que tinha vantagem sobre a adversária direta, a Jamaica, e se garantiria com o empate. Com a segurança ameaçada apenas pelo saldo de gols mexicano, a seleção conseguiu seu passe para a Copa no Brasil.

 

Sobrou para Panamá e México brigar pelo último espaço na repescagem e o país da América do Norte foi salvo por seus vizinhos, os Estados Unidos, que ganhou dos panamenhos e evitou que os mexicanos ficassem fora definitivamente da Copa do Mundo. A seleção do país enfrentará a Nova Zelândia em uma nova chance de classificação.

AMÉRICA DO SUL

Chile e Equador também se garantiram no Mundial. Agora, além do Brasil, que sedia o torneio e tem vaga cativa, quatro países do continente estão credenciados para a Copa do Mundo. Argentina e Colômbia já haviam se classificado na última rodada. O Uruguai, em quinto na disputa sul-americana, disputará a repescagem com a Jordânia.

 

ÁSIA

No grupo asiático estão classificados até agora as seleções da Austrália, do Japão, do Irã e da Coreia do Sul. A Jordânia segue na disputa pela última vaga do continente, e jogará contra Uruguai na repescagem intercontinental.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.