Djalminha pode receber outra punição

A testada no técnico Javier Irureta, em treino na semana passada, ainda será motivo de dor de cabeça para Djalminha. O meia já perdeu vaga para disputar o Mundial na Ásia e ainda não se livrou de multa. A punição vai depender da diretoria do La Coruña, que por enquanto fica em cima do muro.O presidente Augusto Cesar Lendoiro continua no estilo ?morde e assopra? que escolheu desde o incidente, na semana passada. O dirigente considerou a indisciplina um fato ?lamentável?, o que poderia ser sinal de reprimenda exemplar. Mas, na seqüência, aliviou a situação, ao garantir que Djalminha ?apenas realizou um gesto? mais brusco. ?Cada um tem um jeito de ser?, ponderou o cartola. ?Às vezes, nos bastidores, há pessoas que provocam mais prejuízos, sem que ninguém perceba.?Lendoiro acha que o caso teve repercussão acima de sua ?dimensão real? e considera que Djalminha já pagou preço alto. ?O tratamento que recebeu por parte dos meios de comunicação ficou muito além do que ele de fato fez?, disse. O presidente do Deportivo também lamentou a exclusão do jogador do grupo que vai à Copa. ?Era um sonho que ele alimentava?, justificou.Djalminha mantém o silêncio em torno da decisão de Scolari ? um dos golpes mais duros que recebeu na carreira. Depois do treino desta terça-feira, no centro esportivo de Aceadama, em La Coruña, saiu de campo novamente calado. Ele optou pelo silêncio como forma de contornar mais polêmica e novos desentendimentos. A preocupação agora é saber seu futuro no Deportivo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.