Lucas Uebel/Divulgação - 23/9/2011
Lucas Uebel/Divulgação - 23/9/2011

Dois dias após derrota, Internacional demite Dorival Júnior

Clube gaúcho destacou que já 'está trabalhando para anunciar o novo treinador'

AE, Agência Estado

20 de julho de 2012 | 10h41

SÃO PAULO - Dois dias depois da derrota por 3 a 1 para o Atlético-MG, ocorrida na noite da última quarta-feira, em Belo Horizonte, o Internacional anunciou na manhã desta sexta-feira a demissão do técnico Dorival Júnior. O clube ainda informou que os auxiliares Ivan Izzo e Lucas Silvestre, além do preparador físico Celso de Rezende, também foram demitidos.

Por meio de uma curta nota publicada em seu site oficial, o clube gaúcho apenas destacou que já "está trabalhando para anunciar o novo treinador", sem apresentar maiores justificativas para a decisão.

A demissão de Dorival Júnior foi surpreendente pelo fato de o Inter realizar campanha regular neste Campeonato Brasileiro, no qual o time ocupa a oitava posição, com 16 pontos, frutos de quatro vitórias, quatro empates e duas derrotas até aqui. E a equipe vinha atuando desfalcada de Oscar e Leandro Damião nos últimos jogos, pois o meia e o atacante estão servindo a seleção brasileira que disputará a Olimpíada.

O comandante foi contratado pelo Inter em agosto de 2011, depois da demissão de Paulo Roberto Falcão do comando do time. No clube, Dorival conquistou os títulos da Recopa Sul-Americana e do Campeonato Gaúcho deste ano.

Confira o comunicado na íntegra:

"O departamento de futebol do Internacional decidiu desligar Dorival Júnior do comando técnico do time colorado. Os auxiliares Ivan Izzo e Lucas Silvestre e o preparador físico Celso de Rezende também foram afastados. O Clube está trabalhando para anunciar o novo treinador"

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.