Dono da Telmex diz que não vai comprar o La Coruña

La Coruña tem uma dívida de 146 milhões de euros e procura por empresários para se recuperar

Efe

08 de fevereiro de 2008 | 19h25

O empresário mexicano Carlos Slim afirmou nesta sexta que não está interessado a comprar o Deportivo La Coruña, da Espanha, confirmou nesta sexta-feira a empresa Telmex, cujo Conselho de Administração é comandado pelo empresário. "Não existe aproximação nem há nada sobre a questão", afirmou à Agência Efe um porta-voz de Telmex ao fazer referência ao suposto interesse de Slim em comprar a equipe espanhola.O La Coruña tem uma dívida de 146 milhões de euros e, segundo Rafael Carpacho, assessor de imprensa do time, grandes grupos de empresários, entre eles alguns mexicanos, expressaram interesse na compra da equipe."É falsa a informação, um rumor que não sabemos de onde saiu", declarou Arturo Elías Ayub, presidente da Fundação Telmex ao jornal Milenio.

Tudo o que sabemos sobre:
Campeonato EspanholLa Coruña

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.