Felipe Trueba/EFE
Felipe Trueba/EFE

Dores tiram Soldado e Fàbregas de treino da Espanha

Ambos sentiram dores musculares após a partida contra a Nigéria

FERNANDO FARO - Enviado Especial, Agência Estado

24 de junho de 2013 | 20h09

FORTALEZA - A Espanha faz seu primeiro treino para a semifinal da Copa das Confederações contra a Itália sem dois titulares. Cesc Fàbregas e Roberto Soldado sentiram dores musculares após a partida contra a Nigéria e foram poupados da atividade comandada pelo técnico Vicente Del Bosque no complexo esportivo da Universidade de Fortaleza, na tarde desta segunda-feira.

A Real Federação Espanhola de Futebol havia emitido um comunicado mais cedo explicando o quadro clínico dos dois jogadores, que foram submetidos a exames depois do confronto do último domingo. De acordo com a entidade, o afastamento temporário é apenas para a dupla se recuperar.

"Cesc e Soldado foram submetidos a exames para avaliar as dores musculares que eles sentiram ao final do jogo entre Espanha e Nigéria. Em vista dos resultados dos exames, a presença de nenhum dos atletas foi descartada para as semifinais, embora a participação deles dependerá da evolução das dores", diz a nota oficial.

Del Bosque já havia falado sobre a situação dos jogadores ainda no Castelão e disse que a princípio não parecia ser nenhum problema mais grave. Caso os problemas se agravem e eles não possam jogar, David Silva e Fernando Torres aparecem como favoritos a ficarem com as vagas.

Os espanhóis fizeram nesta segunda apenas um treinamento leve para recuperar o desgaste sofrido contra os nigerianos por causa do forte calor que fez em Fortaleza durante a partida. Os termômetros registraram temperatura na casa dos 30 graus enquanto a bola estava rolando.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.