Doriva arma Vasco com apenas um volante em treino para pegar o Bangu

O técnico do Vasco, Doriva, comandou na tarde desta quinta-feira, em São Januário, um treino tático em que optou por uma formação ofensiva. Ele não vai poder contar com o volante Guiñazu no jogo de sábado, contra o Bangu, e parece disposto substituí-lo por um meia.

Estadão Conteúdo

26 de fevereiro de 2015 | 19h30

Como Marcinho volta ao time, a tendência é que o Vasco atue com outros três meias: Julio dos Santos, Bernardo e Rafael Silva. Eles procuraram nesta quinta aproximação com o atacante Gilberto, que vai ter de se movimentar bastante para possibilitar tabelas e abrir espaços para seus companheiros chegarem à área do Bangu.

Durante o treino, Doriva fez algumas mudanças. Thalles ficou ao lado de Gilberto por alguns minutos, sem a presença de Bernardo em campo. Essa pode ser uma variação tática para o decorrer do confronto com o Bangu. Ou seja, tentara vitória com dois atacantes.

Guiñazu está suspenso por ter recebido três cartões amarelos. E Jhon Cley perdeu a vaga para Marcinho.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolVascotreino

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.