Felipe Espindola/Divulgação
Felipe Espindola/Divulgação

Doriva tem dúvida apenas na zaga para a estreia no São Paulo

Técnico aguarda o retorno de dupla de defesa para definir titulares

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

11 de outubro de 2015 | 08h00

O técnico Doriva já tem praticamente definido o time titular do São Paulo que vai escalar nas nove rodadas finais do Campeonato Brasileiro e na disputa pelo título da Copa do Brasil. Em dois dias de treinos táticos, o comandante não alterou a escalação e mantém dúvidas somente entre os zagueiros. Lucão e Rodrigo Caio estão na seleção olímpica e quando retornarem, vão disputar a vaga com Breno e Luiz Eduardo.

Ao descartar rodízio de titulares e improvisações, Doriva tem utilizado Breno como zagueiro e contou com a recuperação de Luiz Eduardo, livre de edema ósseo no joelho esquerdo. Na gestão de Juan Carlos Osorio, Lucão e Rodrigo Caio formavam a dupla de zaga titular e a expectativa é como Doriva vai utilizá-los após voltaram ao Sâo Paulo. Os dois estão em Manaus para amistosos da seleção olímpica contra República Dominicana e Haiti.

A primeira partida do novo treinador será na quarta-feira, contra o Fluminense, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro. Em campo o São Paulo deve ter o esquema tático 4-2-3-1, com a seguinte equipe titular: Rogério Ceni; Bruno, Breno, Luiz Eduardo e Matheus Reis; Hudson e Thiago Mendes; Rogério, Ganso e Alexandre Pato; Luis Fabiano.

Desta formação, Doriva considera como titulares o lateral-esquerdo Carlinhos, que machucou a panturrilha esquerda e está fora da partida. Outra possível baixa é o meia Michel Bastos, que tenta se recuperar de lesão sofrida na coxa esquerda ainda no clássico com o Palmeiras e apareceria no time na vaga de Rogério, como meia pela direita.

"Doriva é um cara muito transparente, honesto e todos os jogadores que trabalharam com ele falam que é um excelente profissional. Ele tem muito a somar e tem um estilo elétrico, parecido ao Osorio, e é um grande motivador", afirmou o zagueiro Luiz Eduardo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.