Staff Images/Flamengo
Staff Images/Flamengo

Dorival celebra 'passividade quebrada' do Flamengo e exalta Paquetá

Time rubro-negro venceu o Corinthians por 3 a 0 na casa do adversário na noite desta sexta-feira

Estadão Conteúdo

06 Outubro 2018 | 10h14

O técnico Dorival Júnior saiu bastante satisfeito da vitória do Flamengo sobre o Corinthians, na última sexta-feira, em São Paulo. Mais do que o triunfo por 3 a 0, pelo Campeonato Brasileiro, o treinador celebrou a atuação do time rubro-negro, que mostrou mais agressividade do que vinha apresentando.

"O Flamengo foi agressivo, buscou o gol a todo instante. O trabalho ainda é do Mauricio (Barbieri), alterei apenas alguma coisa de postura. Essa passividade parece que foi quebrada, mesmo no jogo contra o Bahia. A equipe está vibrante, agressiva, guerreira", considerou.

Outra boa notícia da partida foi a exibição de Lucas Paquetá. O meia voltou a exibir o futebol do começo do campeonato e definiu o triunfo ao marcar dois gols. Dorival exaltou seu comandado e considerou normal a oscilação apresentada por ele.

"O Paquetá é excelente. Tem todos os requisitos para ir longe no futebol mundial", afirmou o treinador. "A oscilação é natural. São quase 60 jogos na temporada, impossível que numa exigência dessa dos jogos consiga manter a mesma postura toda rodada."

Agora, o treinador espera que o comportamento apresentado na sexta pela equipe seja mantido para o resto do Brasileirão, para que o Flamengo siga na briga pelo título. "O campeonato muito disputado. Seja na parte de cima, seja embaixo. Então, temos que manter a postura."

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.