Dorival cobra evolução no Atlético-MG após vitória sobre o Cruzeiro

Técnico aprovou a atuação do ataque, comandado por Diego Tardelli, Neto Berola e Magno Alves

AE, Agência Estado

13 de fevereiro de 2011 | 14h31

O técnico Dorival Júnior não escondeu a satisfação com a vitória do Atlético Mineiro no clássico com o Cruzeiro, no sábado, 12. No entanto, conteve a euforia e cobrou evolução da equipe nas próximas rodadas do Campeonato Mineiro.

"A equipe está em um processo de evolução, mas ainda não é o ideal. Temos muita coisa ainda para acertar. Ganhamos a partida, ok, ganhamos, nada além disso. Foi um bom jogo, daqui a pouco vamos nos cruzar novamente, então, não tenho que ficar aqui comemorando. Com certeza, no primeiro dia de treinamento, já estaremos focados no jogo seguinte, sabendo que precisamos melhorar e muito", avaliou o treinador.

Dorival aprovou a atuação do ataque, comandado por Diego Tardelli, Neto Berola e Magno Alves. "Acho que trabalhamos de maneira correta. Criamos uma condição em que, tanto o Tardelli quanto o próprio Magno, a todo o momento, com mobilidade, se viam em condições de poder estar presentes dentro da área. E foi importante. O Tardelli fez a diferença. Em outra partida, foi o Berola, em outra o Magno Alves. É assim, uma equipe é assim, você vai produzindo, vai melhorando, vai acrescentando", comentou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAtlético-MGDorival Júnior

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.