Divulgação
Divulgação

Dorival defende Cris e Diogo Silva após derrota do Vasco

Jogadores foram apontados pela torcida como os culpados pela derrota do time carioca

AE, Agência Estado

18 de agosto de 2013 | 12h01

RIO - A torcida do Vasco apontou o zagueiro Cris e o goleiro Diogo Silva como os vilões da derrota por 3 a 2 para o Grêmio, na noite de sábado, em São Januário, pela 15.ª rodada do Campeonato Brasileiro, mas ambos ganharam o apoio do técnico Dorival Júnior. Ele saiu em defesa de Cris e garantiu que o zagueiro ainda será muito importante para o time carioca.

"Foi um lance isolado. Ele tem tudo para evoluir. Temos que dar um desconto, porque ele estava há muito tempo sem atuar. É importante ser paciente para que ele encontre o seu melhor momento no Vasco", disse, sobre Cris, que fez a sua estreia na equipe e falhou no primeiro gol do Grêmio.

Dorival adotou discurso semelhante em relação a Diogo Silva, criticado pelos torcedores vascaínos. Ele, porém, não quis comentar a possibilidade de trocar de goleiro titular ou mesmo contratar outro. "Não vou exteriorizar o assunto. Trabalharemos internamente e tomaremos as decisões necessárias. Isso é transferir a responsabilidade, mas eu não trabalho desta forma", comentou.

Derrotado, o Vasco permaneceu com 19 pontos, na décima colocação no Campeonato Brasileiro. O time volta a entrar em campo nesta terça-feira, às 21h50, em Manaus, onde vai enfrentar o Nacional no jogo de ida das oitavas de final.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.