Dorival descarta poupar jogadores: 'Vamos conciliar Copa do Brasil e Brasileiro'

O técnico Dorival Junior não vai poupar jogadores na partida de domingo, às 11 horas, contra o Internacional, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. A ideia do treinador do Santos é não priorizar a Copa do Brasil, mesmo com a vantagem obtida no primeiro jogo das quartas de final, em que bateu o Figueirense por 1 a 0, em Florianópolis.

Estadão Conteúdo

24 de setembro de 2015 | 08h37

Na próxima quinta-feira, a equipe recebe o Figueirense no Pacaembu na partida de volta e só precisa de um empate para garantir a vaga nas semifinais. "O nosso pensamento é conciliar Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro. Para isso, precisamos ter o grupo preparado", afirmou o treinador.

Dorival destacou que é justamente o fato de não ter priorizado nenhuma competição que fez o Santos chegar à situação atual. No Brasileirão, o treinador afastou o time da zona do rebaixamento e levou à oitava posição com 40 pontos, a quatro do G4.

"Temos um time muito valente. Não nos intimidamos com qualquer situação. É isso que levou à nossa recuperação no Campeonato Brasileiro e na Copa do Brasil. Enfrentamos Sport e Corinthians, dois times muito bons. Com todas as dificuldades, a equipe está respondendo bem, e novamente mostrou boa reação após uma derrota no clássico", disse.

Apesar da boa vantagem construída na primeira partida com o Figueirense, o treinador é cauteloso ao comentar as chances de classificação da equipe. "O jogo de volta será tão difícil quanto esse. E temos que jogar ainda melhor para avançarmos na competição", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.