Rubens Chiri/São Paulo FC
Rubens Chiri/São Paulo FC

Dorival exalta respaldo da diretoria do São Paulo: 'Não vou decepcionar'

Time do Morumbi derrotou o CRB por 2 a 0 depois de uma sequência de três jogos sem vitória que fez crescer pressão sobre o treinador

Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

01 Março 2018 | 07h00

O técnico do São Paulo, Dorival Junior, fez um balanço positivo do time na vitória por 2 a 0 sobre o CRB, na noite de quarta, pela Copa do Brasil. Com gols de Valdívia e Militão, o time conquistou a vantagem para o duelo de volta da 3ª fase do torneio nacional, que acontece dia 14 em Maceió.

Para jogadores do São Paulo, vitória sobre o CRB motiva time após sequência ruim

Bancado pela diretoria no comando do time depois de uma sequência de três jogos sem vitória e em meio a oscilações no início de ano, Dorival exaltou publicamente o respaldo da diretoria do São Paulo e prometeu não decepcionar.

"Não falta trabalho, não falta lealdade", disse o treinador, em coletiva. "Tive uma resposta muito positiva da diretoria, também porque sempre demonstrei isso. Fico feliz em ter esse respaldo da diretoria, o trabalho tá sendo feito, vamos evoluir."

Dorival diz ver o time em evolução e projeta melhora da equipe dentro de campo. "Perdemos jogadores, ganhamos outros, não tivemos muito tempo entre os jogos, mas mesmo assim estou muito satisfeito com o que eu vejo. Tem muito a melhorar ainda. Mas eu não vou decepcionar."    

Apesar da vitória, o treinador afirma que a pressão sobre o time continua. "Não tem menos pressão. O futebol infelizmento é assim. Tenho que entender. Fico feliz pelo respeito e a dignidade da diretoria do São Paulo. Eles veem nosso trabalho, eles não esquecem que há poucos meses estávamos na zona de rebaixamento (do Brasileirão, em 2017) e terminamos o turno quase na liderança do turno." 

O trainador voltou a destacar que se sente prejudicado pelo calendário apertado do início de ano. "Eu já falava ano passado, em reuniões, que esse calendário ia prejudicar muito as equipes, que nós teríamos quebras muito grande, porque nós profissionais não trabalharíamos da forma ideal e continuaríamos sendo cobrados".

O São Paulo se reapresenta na tarde desta quinta para iniciar a preparação do duelo de domingo contra o Linense, fora de casa, pela 10ª rodada do Campeonato Paulista. Depois, o time terá pela frente o clássico com o Palmeiras, na quinta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.