Dorival faz mistério e Inter treina com portões fechados

O técnico Dorival Júnior optou por fazer mistério e, nesta segunda-feira, comandou um treino fechado à imprensa no CT do Internacional. A atividade marcou o início da preparação para o clássico diante do Grêmio, que acontecerá nesta quarta-feira, às 22 horas, no Beira-Rio, e decidirá uma vaga nas semifinais do primeiro turno do Campeonato Gaúcho.

AE, Agência Estado

20 de fevereiro de 2012 | 20h40

Dorival não quer revelar a equipe que entrará em campo no confronto, mas é certo que ele terá à disposição os jogadores titulares, que foram poupados na partida diante do Pelotas, no último sábado. Apenas Nei, Guiñazu e Tinga, lesionados, estão fora da partida.

Mesmo se tratando de um clássico, o Inter é considerado favorito por viver melhor momento. A equipe se classificou na primeira colocação do Grupo 1 do Gaúcho e faz boa campanha na temporada. Já o Grêmio foi apenas o quarto do Grupo 2 e, em crise, demitiu nesta segunda o técnico Caio Júnior.

Apesar disso, os jogadores do time do Beira-Rio esperam um confronto igual. "O favoritismo acaba quando o jogo começa. No último Gre-Nal jogamos com a equipe reserva e buscamos o empate no Olímpico contra o time titular deles. Agora eles vão dar o máximo para reverter a situação, então temos que colocar em prática o que temos feito até aqui e não deixar espaços para que eles possam criar jogadas", disse o goleiro Muriel.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.