Ivan Storti|Santos FC
Ivan Storti|Santos FC

Dorival Júnior descarta favoritismo do Santos para estreia no Paulistão

Das últimas sete edições, clube da Vila Belmiro ganhou cinco

Gonçalo Junior, O Estado de S. Paulo

02 Fevereiro 2017 | 18h46

O Santos estreia no Campeonato Paulista nesta sexta-feira diante do Linense, no estádio da Vila Belmiro, em Santos, com um retrospecto impressionante no torneio. Das últimas sete edições, o clube ganhou cinco. Só não venceu em 2013 (Corinthians) e 2014 (Ituano). Já são oito finais consecutivas, igualando o feito de Pelé. O técnico Dorival Júnior descarta o favoritismo na estreia.

"Isso pode acontecer externamente. Internamente trabalhamos com o imponderável", afirmou o treinador em entrevista coletiva nesta quinta-feira na Vila Belmiro. "A gente viu dois jogos do Linense. Uma equipe que, como a grande maioria, vive processo de formação", completou.

Além de manter a base, o Santos contratou os atacantes Bruno Henrique, Vladimir Hernandez e Kayke, o volante Leandro Donizete, o lateral-direito Matheus Ribeiro e o zagueiro Cléber. Para a estreia na Vila Belmiro, no entanto, apenas Cleber e Leandro Donizete podem ser escalados; os outros ainda precisam regularizar a documentação.

O treinador afirmou que ainda tem dúvidas na escalação. O volante Thaciano, destaque da equipe B e que foi incorporado ao time principal, pode ser escalado no meio de campo. "Uma das dúvidas é o Thaciano, que vem trabalhando bem, crescendo, evoluindo. Por isso tenho que ter atenção para definir", afirmou Dorival Júnior.

Nesta quinta-feira, o treinador preferiu treinar na Vila Belmiro para que os jogadores se acostumassem ao gramado. "(Treinamos aqui) em razão do próprio gramado que foi trabalhado, está mais leve. Foi uma escolha para os jogadores se adaptarem", completou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.