Ricardo Saibun/Divulgação
Ricardo Saibun/Divulgação

Dorival Júnior elogia o Santos, mas quer pés no chão e concentração

Técnico avisa que time não vai priorizar qualquer competição

O Estado de S. Paulo

17 de setembro de 2015 | 00h28

O técnico Dorival Júnior elogiou bastante o time do Santos após a vitória sobre o Atlético-MG por 4 a 0, ainda mais porque a equipe vinha de um tropeço no fim de semana, contra a Ponte Preta, que freou o embalo da equipe no Campeonato Brasileiro. "É natural que aconteça um ou outro tropeço, o jogo com a Ponte mostrou que nosso time foi abaixo do nosso nível, mas desta vez fizemos uma grande partida. Os jogadores se entregaram e o número de gols é consequência da postura e agressividade que a equipe teve", disse.

O resultado deixou a equipe na sétima posição do torneio, a um ponto da zona de classificação para a Copa Libertadores. Mesmo assim, o treinador mantém os pés no chão e avisa que o time precisa manter a concentração. "Temos de ter a ambição comedida de buscarmos a aproximação. Todo e qualquer ponto conquistado tem sido importante. Quem sabe possamos dar uma alavancada em nossa condição. Temos ainda muitos jogos pela frente e muita coisa vai acontecer. Por isso, precisamos manter o foco", afirmou.

Ele acha que o time está apresentando um futebol vistoso e de resultados, e por isso garante que o Santos não vai priorizar a Copa do Brasil ou o Campeonato Brasileiro. "O Santos não vai abrir mão das competições, desde que ainda tenha chances. Sabemos que o desgaste é muito grande, mas vamos seguir em frente", avisou.

O treinador também teceu elogios ao jeito de jogar da equipe e principalmente à atuação do meia Lucas Lima, que rendeu bem no meio de campo. "Enfrentamos um time que tem um trabalho coletivo que impressiona, mas Santos voltou a fazer grande apresentação. Foram três gols de jogadas trabalhadas. E o Lucas Lima é um jogador que precisa ter essa participação, quanto mais vezes pegar na bola, mais possibilidade teremos. Ele fez uma partida muito boa."

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolSantos FCBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.