Dorival Júnior tem problemas para escalar o Vasco

A vitória sobre o Vila Nova, conquistada nesta terça-feira, em Goiânia, recolocou o Vasco na briga pelas quatro primeiras posições da Série B do Campeonato Brasileiro. Com 20 pontos, a equipe está em quinto lugar, com a mesma pontuação de Ponte Preta e Atlético-GO.

AE, Agencia Estado

15 de julho de 2009 | 20h18

E as chances são grandes de o clube conquistar seu terceiro triunfo consecutivo, depois de ficar oito jogos sem vencer, e entrar de vez na zona de classificação para a primeira divisão. Nesta sexta-feira, o Vasco recebe em São Januário o ABC, de Natal, apenas o penúltimo colocado da Série B, com a obrigação da vitória.

Apesar de feliz em voltar para casa com três pontos na bagagem, o técnico Dorival Júnior ganhou problemas para o confronto contra o time potiguar. O atacante Robinho, que tem sido peça importante nos últimos jogos, foi expulso no início da partida contra o Vila Nova e mesmo assim o time conseguiu vencer. Mas o jogador está fora da próxima rodada e, além de tomar uma bronca severa do treinador, deverá ser multado por sua atitude.

Sem Robinho e o meia Carlos Alberto, que cumprirá o terceiro jogo de uma suspensão de quatro partidas, a única certeza no ataque vascaíno é Élton. A outra vaga está em aberto, mas Adriano, recém-chegado ao clube, pode ter a primeira oportunidade como titular. Magno também está na briga.

Outro problema é o lateral-direito Fágner. Depois de ganhar a posição de Paulo Sérgio, o jogador manteve a boa fase ao abrir o placar contra os goianos, mas deixou o gramado queixando-se de dores na coxa esquerda. Ele será submetido a um exame nesta quinta-feira e segue como dúvida. Se não puder atuar, o antigo titular Paulo Sérgio reassume o posto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.