Ricardo Saibun/Divulgação
Ricardo Saibun/Divulgação

Dorival Junior tenta conter a euforia no Santos

Técnico diz que jogadores não podem relaxar

O Estado de S.Paulo

11 de setembro de 2015 | 07h00

O desafio do técnico Dorival Junior é conter a euforia da torcida e dos jogadores do Santos. A equipe vive grande fase desde a chegada do treinador, com 11 vitórias, três empates e apenas uma derrota. Mas Dorival tentará mostrar aos atletas que o time não pode se dar por satisfeito com o bom futebol apresentado nos últimos jogos e precisa buscar melhorar o rendimento para continuar subindo na tabela.

Após se afastar da zona do rebaixamento, o time chegou aos 37 pontos e agora está a apenas um da zona de classificação para a Libertadores. A distância para o líder Corinthians, no entanto, é de 14 pontos.

“Tem que continuar melhorando sempre. Não podemos nos dar por satisfeito. O campeonato está só na 24ª rodada. Tem 38”, disse Dorival Junior.

Para continuar a sua ascensão, o Santos conta com a volta de Lucas Lima. O meia retornou quinta-feira da seleção brasileira e à tarde já treinou com os companheiros no CT Rei Pelé.

Lucas Lima participou da atividade com bola em campo reduzido ao lado dos jogadores que não foram titulares na vitória por 3 a 0 sobre o São Paulo, na quarta-feira. O meia tem retorno confirmado no domingo, contra a Ponte Preta, às 11h, em Campinas.

O técnico Dorival Junior terá apenas um desfalque. O volante Thiago Maia está suspenso e deverá ser substituído por Serginho ou Lucas Otávio. Correm por fora na disputa Paulo Ricardo e Léo Cittadini.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolSantos FCCampeonato Brasileiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.