Ricardo Saibun/Divulgação
Ricardo Saibun/Divulgação

Dorival Junior tenta evitar novas lesões no Santos

Treinador vai dosar carga de treinos

O Estado de S.Paulo

15 de setembro de 2015 | 07h00

O Santos acusou o cansaço na derrota por 3 a 1 para a Ponte Preta, domingo, em Campinas. Agora, o técnico Dorival Junior, que usou força máxima na Copa do Brasil e no Campeonato Brasileiro, vai dosar mais a carga de treinos.

Com a derrota em Campinas, o time perdeu uma invencibilidade de 13 jogos. A ordem é evitar lesões provocadas pelo esforço físico. O treinador já faz planos para a próxima semana, quando o Santos enfrenta o Figueirense pela Copa Brasil. O jogo é considerado decisivo.

Nesta quarta-feira, o time também tem um jogo importante. Recebe o Atlético-MG pelo Campeonato Brasileiro. Uma vitória diante do segundo colocado do Nacional é fundamental para a equipe continuar sonhando com o G-4.

Hoje, Dorival Junior já não conta com um dos principais jogadores do elenco. O atacante Geuvânio sofreu uma lesão no músculo reto anterior da coxa direita do atleta e só deve voltar a jogar no fim do mês.

O volante Ledesma, após ter a sua documentação regularizada, teve o seu nome inscrito na segunda-feira no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF. Fora de forma, o jogador de 32 anos treinará separado e só deve ser integrado ao grupo na próxima semana.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolSantos FCCampeonato Brasileiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.