Érico Leonan/São Paulo FC
Érico Leonan/São Paulo FC

Dorival minimiza jejum de Pratto: 'Está confiante, jogando coletivamente'

Técnico vê centroavante como peça fundamental na articulação ofensiva do São Paulo

Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

29 de setembro de 2017 | 07h00

O centroavante Lucas Pratto vive seu maior jejum no São Paulo , sem marcar há nove jogos, mas vem desempenhando papel fundamental na articulação do setor ofensivo do time que luta contra o rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Esta é a avaliação do técnico Dorival Junior, que admitiu cobrança para que o argentino volte a marcar, mas elogiou a postura do atleta.

+ Afastado, Cícero rescinde contrato com São Paulo

"O Pratto vem sendo fundamental, cumprindo sua função tática, disputando todas as bolas e abrindo espaços para as infiltrações", defendeu Dorival. "Acima de tudo, ele está desenvolvendo uma função a mais na equipe. Está confiante, jogando coletivamente. É natural que a gente cobre gols dos atacantes, mas ele está bem e querendo fazer algo a mais."

Artilheiro do time na temporada, com 12 gols, ao lado de seu reserva imediato, Gilberto, o argentino marcou pela última vez na vitória sobre o Vasco por 1 a 0, pela 15.ª rodada do Brasileirão. O próprio jogador espera contornar a "seca", e diz entender as cobranças.

"É a minha obrigação. Não sou displicente nem tenho preguiça em nenhum jogo. Mas, se querem me cobrar, estão no seu direito, porque fui contratado para fazer gol, não para dar carrinho", disse o centroavante, à TV Globo.

 

Tudo o que sabemos sobre:
São Paulo Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.