Dorival pede Palmeiras mais 'constante' durante os jogos

Dorival pede Palmeiras mais 'constante' durante os jogos

Treinador afirma que disparidade entre primeiro e segundo tempo atrapalham rendimento da equipe, mas valoriza empate

CIRO CAMPOS, O Estado de S. Paulo

18 Setembro 2014 | 11h05

Depois de um novo primeiro tempo apagado nesta quarta-feira, o técnico do Palmeiras, Dorival Junior, afirmou que falta ao time regularidade nos 90 minutos para voltar a obter bons resultados no Brasileirão. Contra o Flamengo, no Pacaembu, a equipe foi dominada na etapa inicial, levou dois gols, e precisou reagir depois do intervalo, com duas substituições e gols para buscar o empate em 2 a 2.

O mesmo problema de falta de atenção no primeiro tempo aconteceu no último sábado. Na derrota para o Fluminense no Maracanã, o Palmeiras levou dois gols ainda antes do intervalo. "Gostaria que a equipe jogasse menos que no segundo tempo e mais do que no primeiro tempo desse jogo contra o Flamengo. Falta ter uma constância dentro do jogo e encontrar um caminho de mais equilíbrio", disse Dorival.

O empate em 2 a 2 recolocou o time na zona de rebaixamento e apesar disso, o técnico destacou a atuação. "Conseguimos um ponto importante pela recuperação que a equipe mostrou mesmo que temos chance de sair da zona de rebaixamento", afirmou. A esperança do treinador é no crescimento da equipe com o retorno de atletas que estão lesionados, como o zagueiro Tobio, o lateral-direito Wendel e os volantes Marcelo Oliveira e Wesley, todos prováveis titulares.

De acordo com o técnico, a evolução do time será potencializada pelo apoio da torcida. Dorival elogiou a presença de 19 mil torcedores no jogo contra o Flamengo. "O torcedor está sentido, ''mordido'', mas somente com essa entrega teremos resultados melhores. Quem sabe esse ponto conquistado com muita dificuldade não seja o referencial para uma virada da equipe no Brasileirão", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.