Marius Becker/EFE
Marius Becker/EFE

Dortmund empata, mas garante liderança na Liga dos Campeões

Time inglês chega aos 13 pontos e fecha a fase de grupos empatado com o Arsenal, que derrota o Galatasaray fora de casa

Estadão Conteúdo

09 de dezembro de 2014 | 19h58

Na luta contra o rebaixamento no Campeonato Alemão, o Borussia Dortmund não passou de um empate por 1 a 1 com o Anderlecht, em casa, nesta terça-feira, mas o resultado já foi suficiente para a equipe alemã avançar às oitavas de final da Liga dos Campeões como líder do Grupo D. O time chegou aos 13 pontos e fechou esta fase empatado com o Arsenal, que fez bonito ao bater o Galatasaray por 3 a 1, em Istambul, mas acabou em desvantagem no saldo de gols e ficou com o segundo lugar.

Com isso, o Borussia terá a vantagem de atuar em casa no confronto de volta das oitavas, enquanto o Arsenal precisará decidir a sua sorte longe de Londres na próxima fase da competição continental. No duelo disputado aos olhos de sua fanática torcida no Estádio Luna Park, o time de Dortmund saiu na frente com um gol de Ciro Immobile, aos 13 minutos da etapa final. O italiano recebeu passe na entrada da área, iludiu o seu marcador e chutou com categoria no canto esquerdo do goleiro.

Mesmo tendo entrado em campo já eliminado, o Anderlecht, terceiro colocado ao final desta fase, com seis pontos, ainda conseguiu o empate aos 39 minutos, quando Mitrovic aproveitou cruzamento da direita e cabeceou forte para as redes.

Já no confronto disputado na Turquia, o Arsenal foi um rolo compressor no primeiro tempo, no qual abriu 3 a 0 em apenas 29 minutos. Logo aos 3, abriu o placar em belo chute de Podolski, que finalizou com força após receber passe no lado esquerdo da grande área. Em seguida, aos 11, o time inglês puxou rápido contra-ataque e acionou Ramsey, que também da esquerda chutou com categoria cruzado para ampliar.

Ramsey, porém, estava reservando uma pintura para os 29 minutos, quando recebeu uma bola rebatida pela zaga e de muito longe soltou o chute de primeira, pegando a bola pelo alto e acertando o ângulo direito do goleiro adversário. Na etapa final, aos 44 minutos, o holandês Sneijder descontou para o Galatasaray em uma bela cobrança de falta da meia-lua, que acertou o mesmo ângulo alcançado por Ramsey no primeiro tempo. Assim, o time turco fechou a fase de grupos de forma melancólica, com apenas um ponto em seis partidas disputadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.