Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Douglas revela atraso de salário no Grêmio

Meia do Corinthians critica o presidente do Grêmio, Paulo Pelaipe

ESPN.com.br,

08 de fevereiro de 2012 | 14h32

Em comunicado divulgado nesta quarta-feira, o meia Douglas revelou qual foi o motivos para deixar o Grêmio e acertar seu retorno ao Corinthians. O jogador garantiu que não recebia direitos de imagem há oitavo meses, mas que isso não o atrapalhou. No entanto, reclamou da postura do diretor-executivo Paulo Pelaipe, a quem acusa de menosprezá-lo e também de oferecê-lo a outros clubes através de um empresário com que não tem qualquer vínculo.

"Em primeiro lugar, quero dizer que tenho enorme respeito pela torcida, tanto é que fiquei 8 meses sem receber minha imagem e nunca reclamei em publico para não conturbar o ambiente, muito menos deixei de me empenhar dentro de campo", afirmou o meio-campista.

"O que ganhei em troca disso foram declarações do Pelaipe me diminuindo e incentivando a torcida contra mim. Foi justamente isso que me deixou sem ambiente no Grêmio e fez com que eu tomasse a decisão de mudar de clube", disparou o jogador, que tinha contrato com os gaúchos até o fim de 2012.

"O Pelaipe mandou outro empresário (que nada tem a ver comigo) me oferecer aos 4 cantos, depois queria pagar a dívida que o Grêmio tem com o Palmeiras me mandando pra lá. Isso faz o jogador se sentir valorizado? Tinha ambiente pra eu continuar?", continuou Douglas, que assegura: ganhará no Corinthians o mesmo salário "ou (até) menor" do que poderia.

Leia abaixo a íntegra da nota divulgada por Douglas:

Galera, aguentei muita coisa calado e agora que já assinei o meu contrato com o Corinthians posso falar sobre a minha saída do Grêmio. Em primeiro lugar, quero dizer que tenho enorme respeito pela torcida, tanto é que fiquei 8 meses sem receber minha imagem e nunca reclamei em publico para não conturbar o ambiente, muito menos deixei de me empenhar dentro de campo.

O que ganhei em troca disso foram declarações do Pelaipe me diminuindo e incentivando a torcida contra mim. Foi justamente isso que me deixou sem ambiente no Grêmio e fez com que eu tomasse a decisão de mudar de clube.

O Pelaipe mandou outro empresário (que nada tem a ver comigo) me oferecer aos 4 cantos, depois queria pagar a dívida que o Grêmio tem com o Palmeiras me mandando pra lá. Isso faz o jogador se sentir valorizado? Tinha ambiente pra eu continuar?

E pra muita gente que está falando besteira e me chamando de mercenário, é bom que saibam que vou jogar no Corinthians por um salário igual ou menor do que eu poderia ganhar aí. Tudo pela falta de respeito que o Pelaipe teve comigo.

Tem muitos torcedores hostilizando meus empresários também. O que é um absurdo, afinal eles só brigaram pelo que era justo pra mim. Aliás, quero deixar aqui meu agradecimento ao Bruno Paiva, ao Marcelo Goldfarb, ao Marcelo Robalinho e a todos da Think Ball por essa força.

Com tudo devidamente explicado, queria agradecer pelo carinho de vocês durante esses 2 anos! Um abraço a todos!

E para a imprensa, principalmente aqueles que vão estar na coletiva amanhã, quero dizer que foi a primeira e última vez que falei da minha saída do Grêmio. A partir de agora só falo do Timão!!

Douglas dos Santos

Tudo o que sabemos sobre:
futebolgremiodouglas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.