Reprodução TV Inter
Reprodução TV Inter

Dourado ainda é dúvida e Odair promete esperar pelo volante para escalar o Inter

Volante se recupera de dores no pé direito e não tem presença confirmada na partida contra a Chapecoense

Estadao Conteudo

14 Setembro 2018 | 14h22

O técnico Odair Hellmann fechou à imprensa o treino do Internacional nesta sexta-feira, visando o confronto diante da Chapecoense, na próxima segunda, na Arena Condá, pelo Campeonato Brasileiro. A principal dúvida na escalação da equipe é o volante Rodrigo Dourado, que não treinou nos últimos dias por causa de um problema físico.

Dourado vem sofrendo com dores no pé direito. O jogador chegou a dizer, depois da vitória no clássico do fim de semana contra o Grêmio, que vinha recebendo injeções para entrar em campo. Nos últimos dias, porém, o capitão colorado realizou tratamento e não foi a campo para os treinos.

Ele será reavaliado diariamente para saber se poder atuar na segunda, e Odair prometeu esperar por seu volante. "Se por acaso o Dourado não puder jogar, o Inter tem jogadores de qualidade no grupo. Mas vamos esperar um pouco mais pra saber se ele terá condições de viajar pra Chapecó", declarou em entrevista coletiva nesta sexta.

Se Dourado não atuar, Odair deve escalar Gabriel Dias no setor. Esta, porém, não é a única dúvida do treinador para a partida de segunda. Recuperado de dores cervicais, Leandro Damião tem entrado bem nos jogos do Inter e pode fazer sua primeira partida como titular desde julho, na vaga de Jonatan Alvez. Mas o técnico colorado preferiu não confirmar a mudança.

"O Damião vem fazendo os trabalhos normalmente. Já está apto pra começar um jogo, sim. A decisão sobre iniciar ou não a partida agora é apenas uma questão de decisão minha e da comissão técnica", apontou.

A tendência é que Odair defina a escalação do Inter neste sábado, antes da viagem para Chapecó. O líder do Campeonato Brasileiro deve ir a campo com: Marcelo Lomba; Zeca, Rodrigo Moledo, Custa e Iago; Rodrigo Dourado (Gabriel Dias), Edenilson e Patrick; Nico López, Leandro Damião (Jonatan Alvez) e William Pottker.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.