Lee Smith / Reuters
Lee Smith / Reuters

Drinkwater é espancado após tentar sair com mulher de outro jogador, diz jornal

Meiocampista do Burnley teria sofrido lesão no tornozelo após ser brutalmente agredido em casa noturna

Redação, Estadão Conteúdo

08 de setembro de 2019 | 19h12

O meiocampista inglês Danny Drinkwater, que está emprestado pelo Chelsea ao Burnley, foi brutalmente agredido por diversos homens após tentar sair com a namorada de outro jogador em uma balada em Manchester na última semana, e pode ficar longe dos gramados no Campeonato Inglês por até um mês por lesões no tornozelo. As informações são do tabloide inglês The Sun.

O jogador de 29 teria tentado repetidas vezes deixar a boate com a namorada de Kgosi Nthle, jogador de 25 anos do Scunthorpe United, que também estava no local. A mulher teria recusado as investidas de Drinkwater, lembrando que seu cônjuge estava no local. O próprio Nthle pediu que ele deixasse a mulher em paz, o que o jogador do Burnley recusou aos gritos, afirmando que ela iria para a casa dele.

Então, os dois teriam começado a brigar fisicamente e mais homens teriam chegado para auxiliar Nthle. Os seguranças da casa noturna intervieram e os colocaram para a rua, onde a confusão ficou realmente séria. Os seis teriam acertado Drinkwater com um objeto no rosto e no corpo e pulado na perna do jogador, principalmente no tornozelo, visando machucá-lo para que não jogasse no Campeonato Inglês.

Segundo testemunhas, Drinkwater estava alcoolizado. Ele sofreu uma lesão no tornozelo, que o tirará dos gramados por um mês (já ficou fora na derrota do Burnley para o Liverpool, antes da parada para a data Fifa), além de um olho roxo, um corte na bochecha, a testa inchada e ombros e braços machucados. A polícia não foi informada do incidente e amigos do meiocampista o teriam levado para casa.

Segundo um funcionário do Burnley entrevistado pelo jornal, Drinkwater informou ao treinador Sean Dyche apenas que tinha sido atacado e o convenceu que era vítima na situação. Na sequência, viajou para a Espanha para evitar mais publicidade em cima do caso e se recuperar com tranquilidade. Ele estaria muito envergonhado e sabe que não pode se envolver em outra confusão do tipo. O jogador "aceitará críticas e quer colocar sua carreira nos eixos". O Burnley afirmou que a lesão ocorreu durante treinamentos.

Em maio deste ano, Drinkwater teve sua carteira de motorista apreendida por dirigir em estado de embriaguez, e discussões familiares do atleta se tornaram públicas mais recentemente. Ele foi emprestado pelo Chelsea ao Burnley para ter mais tempo de jogo, mas agora terá que buscar colocar a carreira no caminho certo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.