Ale Frata
Ale Frata

Drone com camisa do Guaraní-PAR cai na Arena Corinthians

Objeto voador com inscrição 'hahaha' aparece no primeiro tempo

O Estado de S. Paulo

31 de maio de 2015 | 17h31

As provocações pela eliminação do Corinthians na Copa Libertadores para o Guaraní-PAR não acabaram. Durante o primeiro tempo da partida entre o clube alvinegro contra o Palmeiras no Itaquerão, pelo Campeonato Brasileiro, um drone com uma camisa do time paraguaio foi visto sobrevoando entre setor Oeste do estádio. Porém, a aventura durou pouco já que o objeto voador bateu em uma das paredes e caiu.

Minutos depois, funcionários do Corinthians apreenderam o aparelho, que provavelmente estava sendo pilotado por algum palmeirense do lado de fora do estádio. A camisa do Guarani tinha a inscrição "hahaha" no lugar do patrocinador, em evidente provovcação às derrotas sofridas pelo clube alvinegro nas oitavas de final.

A provocação dos palmeirenses não é novidade no mundo futebolístico. Há três semanas, durante o duelo entre Boca Juniors e River Plate também pela Libertadores, torcedor do clube xeneize comandou um drone dentro do estádio La Bombonera com um boneco fazendo alusão a um fantasma tematizado pelo rebaixamento que o time do bairro de Nuñez sofreu em 2011. Durante as Eliminatórias da Eurocopa de 2016, um torcedor da Albânia pilotou um objeto semelhante no jogo entre seu país contra a Sérvia, fora de casa. O drone causou uma briga generalizada entre os jogadores dos países rivais que fez com que a partida fosse cancelada pela Uefa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.