Drubscky festeja semana de treinos e promete Fluminense forte no clássico

No comando do Fluminense desde 24 de março, o técnico Ricardo Drubscky conseguiu algo raro nos últimos dias: ter uma semana completa de preparação para um confronto, o clássico contra o Flamengo, domingo, no Maracanã, pela 14ª rodada do Campeonato Carioca. Satisfeito, ele celebrou o tempo de preparação e aposta em uma boa atuação da equipe no primeiro Fla-Flu da sua carreira.

Estadão Conteúdo

03 de abril de 2015 | 15h57

"Analisamos bastante o adversário. Qualquer time no Brasil, principalmente o Flamengo, temos muito respeito contra o adversário. A semana está sendo muito boa. Os jogadores estão assimilando os conceitos passados nos treinos. Espero que o Fluminense entre firme, com humildade e que se imponha quando precisar ser ofensivo. Também vamos ser contundentes, fortes e objetivos naquilo que a gente quer. Espero que o Maracanã esteja lotado. São duas equipes fortes e tem tudo para ser um jogo interessante", disse.

Drubscky aproveitou a semana para exigir bastante dos jogadores nos treinamentos, com a repetição de trabalhos, como as jogadas de bola parada. Ele até reconheceu que isso quase certo incômodo, mas destacou que esse tipo de trabalho é fundamental para que os resultados apareçam.

"É chato para o treinador, para o jogador. Precisa de mais concentração, atenção, persistência. Tenho dado muita atenção. Treina-se muito para aproveitar um lance ou para se defender de um lance. O Gilberto (Fonseca, auxiliar técnico), que está com a gente, fica atento a essa questão de falta. São coisas que dão vitórias, títulos e ajudam muito em jogo", afirmou.

Mesmo com o Fluminense fora da zona de classificação às semifinais do Campeonato Carioca - é o quinto colocado -, Drubscky garantiu que no domingo todos estarão concentrados apenas no clássico com o Flamengo, sem se preocuparem com o resultado dos jogos dos outros times.

"Lógico que a gente vai saber quando for entrar em campo, mas a adrenalina vai estar fabricada para o jogo. Não tem como fugir disso. Tenho uma máxima que não dá para fugir da concentração de um jogo. Vou pensar no Fla-Flu. Fluminense depende só dele e vamos lutar dessa maneira pela classificação", comentou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFluminenseRicardo Drubscky

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.