Dualib: Love custará US$ 50 milhões

Empolgado com os gastos da MSI na montagem do time, Alberto Dualib, entre as inúmeras interrupções que fez na entrevista coletiva de Kia Joorachian, deixou a empolgação dominá-lo e entregou que já está certo até o valor que a MSI pretende pagar por Vágner Love. "Nós já gastamos R$ 150 milhões com os primeiros reforços. Fechando com o Vágner Love vamos chegar a R$ 200 milhões", disse Dualib, para desgosto de Kia, que fingiu não entender a declaração - o iraniano entende perfeitamente o português.50 milhões de reais não foi um valor aleatório. A quantia de US$ 18 milhões é quanto o representante da MSI na Rússia está autorizado a oferecer à diretoria do CSKA. Circula a informação no Parque São Jorge que Kia soube que os dirigentes russos estão dispostos a liberar o atleta diante do lucro impressionante de US$ 10 milhões em sete meses. Na compra do jogador o CSKA gastou US$ 8 milhões, em julho de 2004.O atacante desembarca neste sábado em Roma, na Itália, onde o CSKA faz sua pré-temporada. Ele já sabe que papel desempenhar. Irá implorar para ser liberado. Diz que jogar no Corinthians é ?uma questão de paz de espírito?. Irá falar sobre o seu filho Vágner Júnior de dois meses de quem sente que não pode se separar. Instruído por representantes da MSI dirá que devolve até o último dólar que já recebeu do CSKA. Love sabe que Kia o restituirá na volta.A perspectiva no Parque São Jorge é que a negociação de Love seja concretizada ainda neste final de semana. Os dirigentes ficarão esperando a resposta do jogador ou do seu procurador Cláudio Guadagno. A esperança é enorme de acerto.Em relação a Mascherano, informações desencontradas. "Nós estamos conversando. Queremos o jogador. Em duas semanas teremos uma definição. Mas acredito que ele possa vir para o Corinthians", afirma Kia. No entanto, vários conselheiros ligados a Alberto Dualib juram a MSI perdeu a chance de contar com o volante da Seleção Argentina para este primeiro semestre. Os dirigentes do River Plate só aceitam liberá-lo depois da Libertadores.Os contatos entre Mascherano e Tevez - que são muito amigos - têm sido diários. Os dois falam por telefone. O atacante corintiano trabalha firme para convencê-lo a participar da aventura brasileira no Parque São Jorge. Tevez fez seu exame físico nesta sexta pela manhã com o fisiologista Renato Lotufo. "Fizemos ecocardiograma e analisamos o seu estado aeróbio. Ele está bem", assegura o fisiologista. Tevez começou a justificar o seu apelido de "Cavalo" que tinha na Argentina graças ao seu físico privilegiado.Depois, à tarde, o atacante fez seu primeiro treino físico no Parque São Jorge. Suas corridas e cambalhotas foram acompanhadas por mais de mil pessoas que aplaudiam entusiasmadas o argentino. Ele não deu entrevista nesta sexta.Tevez está decidindo se mora ou não no hotel no bairro Anália Franco, na capital paulista. É possível que alugue um amplo apartamento para trazer sua família. A MSI autoriza, se ele quiser.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.