Marcelo Sadio/Divulgação
Marcelo Sadio/Divulgação

Duas semanas após ter joelho operado, Guiñazu volta a treinar

Argentino de 36 anos aparece no gramado para participar de atividade antes do jogo contra o Tigres, em Duque de Caxias

Estadão Conteúdo

07 de fevereiro de 2015 | 18h29

Apenas duas semanas após ter o seu joelho esquerdo operado, o volante Guiñazu impressionou neste sábado ao participar de um treinamento com bola realizado pelo Vasco em São Januário, onde o Vasco fez o último trabalho de preparação para o jogo deste domingo, contra o Tigres, às 19h30, em Duque de Caxias, pelo Campeonato Carioca.

O argentino de 36 anos de idade esteve presente em um treinamento de dois toques em campo reduzido, que aconteceu depois de um atividade tática dirigida pelo técnico Doriva, e mostrou que deverá estar em condições de voltar a atuar pelo time na quarta rodada da competição estadual, contra o Macaé, em São Januário.

Guiñazu se machucou no dia 21 de maio, no clássico diante do Flamengo, na estreia do Vasco em torneio amistoso realizado em Manaus, e já precisou voltar ao Rio em seguida, tendo sido então submetido a uma artroscopia. E, após o treino deste sábado, o lateral-direito Madson festejou a rápida recuperação do capitão vascaíno.

"Jogador como Guiñazu é muito importante na equipe. Ele é um líder, guerreiro, sempre quer ajudar. Ele fez uma cirurgia e em menos de 15 dias está treinando com bola. Daqui a pouco estará à disposição", ressaltou o jogador.

O técnico Doriva, por sua vez, cobrou bastante os jogadores no treino deste sábado e formou a equipe titular com a seguinte formação: Martín Silva; Madson, Rodrigo, Luan e Christianno; Serginho, Lucas, Marcinho, Bernardo e Montoya; Rafael Silva.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolVascoGuiñazu

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.