Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Dudu afirma que ajudará garotos na adaptação ao time principal do Palmeiras

Atacante elogia presença de revelações no elenco e diz torcer pela evolução dos mais jovens

Redação, O Estado de S. Paulo

09 de janeiro de 2020 | 18h42

Na temporada em que completa cinco anos de Palmeiras, o atacante Dudu assumiu uma outra missão. O jogador disse nesta quinta-feira que vai se encarregar de auxiliar as revelações do clube na adaptação ao elenco profissional da equipe. Para 2020, a equipe terá nove atletas revelados nas categorias de base, boa parte deles promovida há poucos dias.

Aos 27 anos, Dudu é o jogador do atual elenco com mais tempo de clube e afirmou que ao conviver com os novos colegas, relembrou como foi a sua transição para o profissional do Cruzeiro, anos atrás. "Eu também passei por isso de ir da base para o time profissional do Cruzeiro, e eu também admirava os jogadores do profissional. São excelentes meninos, que já demonstraram talento nos jogos em que atuaram. Espero que eles possam evoluir ainda mais e nos ajudar", afirmou.

O atacante contou que nesses primeiros dias de pré-tempora procurou ajudar os garotos a se entrosar com o restante do time. Nomes como Alan, Gabriel Menino, Wesley Ribeiro e Patrick de Paula passam só agora a conviver mais de perto com os profissionais. Por sua vez, o atacante Gabriel Veron e Pedrão já tiveram no passado um período mais longo no cotidiano da equipe principal.

"Ele (Gabriel Veron) é um pouco fechado, tímido, assim como eu também fui quando eu estava subindo para o time profissional. A gente procura brincar com eles para deixá-los mais à vontade, não só em campo como fora", disse. "Eles fizeram um bom trabalho na base, ganharam vários títulos. Temos de ter calma com eles, paciência, porque não é qualquer um que chegará, botará a camisa e jogará logo de cara. Temos de orientar", afirmou Dudu.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasDudu

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.